Esta é super indicada para quem quer estreiar uma maratona

Pode-se dizer que a maratona é o maior desafio de um corredor. Não por ser a prova mais longa, mesmo porque existem outras com distâncias superiores, mas pelo fato de que, ao vencer a marca dos 42 km (na verdade 42km e os míseros 195m), o atleta se coloca em um patamar que poucos conseguem alcançar na corrida. Porém, para cruzar a linha de chegada, é preciso um preparo ainda mais rigoroso que o feito nas distâncias anteriores, além de uma considerável experiência na prática.

Se você já se decidiu e vai encarar uma maratona em 2018 é importante que você já tenha corrido algumas provas de 5 km e 10 km, e ao menos 2 meia maratonas. No geral, a preparação específica para os 42 km deve começar de 5 a 6 meses antes da prova-alvo. É importante fazer treinos em diferentes tipos de terreno, para ganhar força e resistência. Fortalecer a musculatura também é fundamental para evitar uma lesão no meio da prova, segundo alguns especialistas. Outros mais conservadores dirão que “o ideal é que o corredor tenha uma bagagem prévia de pelo menos cinco anos, tendo dedicado no mínimo uma temporada treinando para cada uma das distâncias anteriores”. Mas quem decide mesmo é você e seu treinador!!!!

Conversando com amigos experientes sobre maratonas, todos foram unânimes sobre a maratona de POA (Maratona Internacional de Porto Alegre) ser a melhor para estreantes. A prova, segundo eles, reúne dois importantes elementos que fazem com que ela se torne menos penosa para o iniciante do que, por exemplo, a meia de São Paulo ou a do Rio de Janeiro.

“É uma prova que oferece melhores condições para boas marcas no Brasil, tem postos de hidratação com água e isotônicos a cada 3 km, e acontece em uma época em que as temperaturas são baixas, ideal para quem vai correr uma maratona, seja iniciante, seja experiente”

Neste ano, a 34ª Maratona Internacional de Porto Alegre irá ser realizada no dia 11 junho. E se for como a 2016 quem está inscrito, se prepare para passar frio. Na ultima edição até quem é do sul estava achando muito baixa a temperatura.

Outro ponto positivo para esta prova é o fato de ser realizada em meses mais frios, o que traz o benefício de não elevar tanto a frequência cardíaca. Com temperaturas mais altas, sobe também a temperatura corporal, o que leva os vasos sanguíneos a se dilatarem e com isso, o coração precisa bater mais rápido para manter a pressão sanguínea. Lembre-se da importância de uma avaliação médica pois, mesmo em uma maratona fria e plana como a de Porto Alegre, o desgaste cardiovascular causado pela longa distância faz com que o coração permaneça em um ritmo mais acelerado.

A maratona tem um percurso lindo, passando, entre bairros charmosos de Porto Alegre. Com um trajeto bem elaborado passando por diversos pontos turísticos como museu Iberê Camargo, o estádio Beira-Rio, a Ponte de Pedra, o parque Moinho de Vento entre outros.

A organização é outro aspecto que chama a atenção. No ano passado, o corredor pôde desfrutar de um lounge com 60 massagistas e atendimento médico com cerca de 40 profissionais, e de 16 postos de hidratação, sendo que em 6 deles eram também distribuídos isotônicos e frutas.

Além de ser a prova mais rápida do Brasil, a maratona da capital do Rio Grande do Sul é considerada por muitos também a mais organizada do país.

Segue alguns dos motivos:

  • Translado entre a Rodoviária/Aeroporto e o local da entrega dos kits;
  • Translado entre a entrega dos kits e hotéis parceiros da prova;
  • Translado entre hotéis parceiros e o local da largada;
  • Premiação em dinheiro para as faixas etárias até o quinto lugar.

Números:

Em 2016 a prova reuniu cerca de 7,5 mil pessoas, entre os participantes da maratona, da meia maratona e dos percursos de 10, cinco e três quilômetros.

Este ano teve novidade, os corredores que participaram da edição anterior terão desconto na inscrição de 2017 até irá até 31 de maio de 2017, limitado à 8.500 atletas.

Informações e Regulamento no Site oficial da Maratona de POA

Correr essa prova é sem duvidas uma excelente opção de conhecer a capital dos Gaúchos. Já está anotada no meu caderninho para o próximo ano. E você, já escolheu alguma???